Como o algoritmo do LinkedIn determina o que viraliza

Como o algoritmo do LinkedIn determina o que viraliza

Por Ross Simmonds Um dos elementos mais poderosos do LinkedIn são as conexões e os relacionamentos que você mantém. Quanto maior for o número de pessoas com as quais você estiver conectado no LinkedIn, melhores serão as chances do seu conteúdo atingir as pessoas que estão fora da sua rede. Isto pode parecer óbvio. Mas, e se eu lhe dissesse que há um pouco de um molho especial por trás das cenas e que também contribui para aumentar a probabilidade do seu conteúdo alcançar novas pessoas? Você estaria interessado em aprender mais sobre isto? Bem, hoje é o seu dia de […]

Continuar lendo »
O que fazer e o que não fazer no marketing controverso

O que fazer e o que não fazer no marketing controverso

Por Andrea Lehr Num dos anúncios mais falados de recente memória, a estrela dos realities, Kendall Jenner sai da uma sessão de fotografias para se juntar a um grupo de protesto. Eventualmente, a demonstração para em frente a uma fila de policiais, e Jenner vai até um deles e tenta negociar a paz com… uma lata de Pepsi. As pessoas gostam de dizer que não existe uma coisa chamada má publicidade. Mas, embora esse clip tivesse mais de 1,6 milhões de visualizações no YouTube, depois de apenas algumas horas, ele gerou cinco vezes mais votos desfavoráveis que favoráveis. Em menos de […]

Continuar lendo »
HypeCast #7 – O que faz um conteúdo viralizar?

HypeCast #7 – O que faz um conteúdo viralizar?

Por Ricardo De Lucia Leite Neste sétimo episódio realizamos a nossa análise SWOT da semana e depois batemos um papo sobre o que faz um conteúdo viralizar Olá, seja muito bem-vindo à sétima edição do HypeCast! Neste programa falamos, na nossa análise SWOT, sobre a entrevista com o analista da BBC cujo vídeo viralizou após os seus filhos entrarem no seu home office, sobre as mudanças nas funcionalidades do LinkedIn após o lançamento da sua nova versão, analisamos também uma das novidades vindas do SXSW 2017 sobre o futuro da nossa comunicação e por último falamos sobre o novo aumento […]

Continuar lendo »
A psicologia do conteúdo viral

A psicologia do conteúdo viral

Por Andrea Lehr Considerando que as duas mais recentes sensações da Internet envolveram um par de sapatos de tênis brancos e uma máscara de um Wookie, é fácil eliminar conteúdo viral como pura sorte. Alguns profissionais de marketing podem argumentar que ninguém pode prever conteúdo viral potencial. Entretanto, estes indivíduos são as mesmas pessoas que repetidamente pedem às suas equipes de marketing para “quebrar a Internet” e com mais de 75% de profissionais de marketing B2B e B2C esperando produzir mais conteúdo neste ano, é um eufemismo dizer que há uma tonelada de conteúdo por aí. Provavelmente, a maioria dele […]

Continuar lendo »
A Mãe Chewbacca é apenas o começo

A Mãe Chewbacca é apenas o começo

Por Dillon Baker Em 19 de maio, Candace Payne, agora mais conhecida como a Mãe Chewbacca, gravou um vídeo dela mesma, postado no Facebook, quando ela experimentou uma máscara de Chewbacca da marca Kohl (uma marca de cosméticos). Três semanas depois, ela ganhou uma visita grátis à Disney World, foi levada para um passeio por J. J. Abrams e James Corden, e coletou o que pode ter chegado a 400.000 dólares em bolsas de estudos para os seus filhos. Este foi um mês de furacão, e tudo começou por uma gargalhada infecciosa, um smartphone, e uma nova versão no Facebook […]

Continuar lendo »
Em busca do título perfeito

Em busca do título perfeito

Por Jordan Teicher O melhor título jamais escrito é “Corpo sem cabeça em bar topless”. Ele apareceu na primeira página do New York Post em 1983 – simples, simétrico e intrigante. Cinco palavras (em inglês) que contam uma história e que ainda o obrigam a descobrir mais. Atualmente, você provavelmente nunca vê este título, pelo menos não online. A maioria dos editores agora favorece títulos coloquiais ou lísticos (um artigo com vários itens), idealmente com algum tipo de curiosidade. Se o Upworthy (um website), o mestre das curiosidades, quisesse fazer alguma história ficar viral, seria algo como “O homem que […]

Continuar lendo »
7 coisas que nós aprendemos em 2014 sobre conteúdo viral

7 coisas que nós aprendemos em 2014 sobre conteúdo viral

Por Tessa Wegert Um adolescente que está no seu computador dubla as palavras de uma canção popular romena. O garoto está entusiasmado e a canção é cativante. De alguma maneira, isto é suficiente para produzir um dos vídeos originais mais virais do mundo: “Numa Numa.” Este vídeo já tem 10 anos de idade e, nos anos que se seguiram, nós vimos outras incontáveis explosões online, algumas até maiores que “Numa Numa”. O “Gangnam Style”, de 4 minutos de duração, foi o primeiro vídeo a alcançar 1 bilhão de visualizações no YouTube (atualmente já passou de 2 bilhões de visualizações e […]

Continuar lendo »